fbpx
Connect with us

Mundo

Apoio e Reconstrução: Cadastro para auxílio às famílias atingidas por enchentes | Agência Brasil

Publicado

em

apoio, ajuda, suporte;
© Rafa Neddermeyer/Agência Brasil - Todos os direitos: @ Agencia Brasil

Pagamento de R$ 5,1 mil será feito para quem perdeu casa no RS, após registros de cadastro, prefeituras e contas, com responsáveis aptos.

O governo federal anunciou hoje (20) a disponibilização de um portal online destinado às prefeituras do Rio Grande do Sul para o cadastro das famílias que serão beneficiadas com o Auxílio Reconstrução no valor de R$ 5.100. Essa iniciativa visa oferecer apoio financeiro às famílias afetadas pelas recentes enchentes, permitindo que utilizem o auxílio para repor bens perdidos ou realizar melhorias em suas residências ou locais de trabalho.

Além disso, o site também disponibiliza informações sobre os critérios de elegibilidade e os procedimentos necessários para solicitar ajuda. Com o intuito de oferecer suporte às comunidades atingidas, o governo federal reforça seu compromisso em fornecer assistência financeira de forma ágil e eficaz, visando contribuir para a reconstrução das áreas afetadas pelas enchentes no estado do Rio Grande do Sul.

Apoio essencial para vítimas das chuvas

O suporte foi estabelecido em medida provisória assinada pelo presidente Luiz Inácio Lula da Silva na última quarta-feira (15), como mais uma iniciativa do governo federal de apoio às vítimas das chuvas. Ministro de Apoio à Reconstrução do RS, Paulo Pimenta, detalha cadastro para o auxílio reconstrução – Imagem: Joédson Alves/Agência Brasil

‘O apoio, que estamos denominando de Auxílio Reconstrução, de R$ 5.100, destina-se a todas as pessoas que residem nas áreas afetadas pelas inundações, que perderam seus pertences e, também, em regiões onde houve deslizamentos de terra, as pessoas que precisaram deixar áreas de risco devido a encostas’, explicou o ministro da Secretaria Extraordinária da Presidência da República para Apoio à Reconstrução do Rio Grande do Sul, Paulo Pimenta.

O ministro da Integração e do Desenvolvimento Regional, Waldez Góes, ressaltou que uma das estratégias é manter contato direto com as prefeituras e atender às necessidades dos afetados pelas enchentes. Ministro Waldez Góes informa que pagamento será realizado pela Caixa. Imagem: Joédson Alves/Agência Brasil

‘Cabe a nós, também, nesse suporte à população gaúcha coordenar juntamente com a Caixa Econômica o Auxílio Reconstrução’, afirmou.

Processo de cadastro e liberação do apoio

Para efetiva liberação do benefício, será necessário seguir três etapas:
1) Prefeituras: a partir desta segunda-feira (20), os municípios afetados devem enviar ao governo federal informações sobre as áreas atingidas pelas enchentes e das famílias desalojadas ou desabrigadas. No site do Auxílio Reconstrução, há duas planilhas para serem preenchidas pelo gestor público municipal autorizado, no sistema transfere.Gov, por meio de senha cadastrada. Após o preenchimento, as planilhas são enviadas ao governo federal, no próprio site.
2) Famílias: o responsável pela família beneficiada precisará confirmar o cadastro no site a partir de 27 de maio. É necessário acessar o botão Sou Cidadão com a conta registrada no site Gov.br, utilizando o login e senha cadastrados. Se houver erro no cadastro, as prefeituras deverão auxiliar os cidadãos a corrigir informações, como CPF, endereço ou nome. Os dados confirmados serão verificados com outros cadastros existentes para validar endereços e CPFs. Somente após essa verificação, o pagamento será liberado.
3) Pagamento: a Caixa Econômica Federal receberá a lista dos beneficiários e fará o depósito na conta. As famílias não precisam abrir contas no banco, pois a Caixa identificará se o responsável já possui conta-poupança ou corrente na instituição e fará o crédito automaticamente. Caso não tenha conta, o banco abrirá uma Poupança Social Digital para o pagamento do Auxílio Reconstrução. O valor poderá ser movimentado pelo aplicativo Caixa Tem. A previsão é que os primeiros pagamentos sejam liberados ainda em maio.

Fonte: @ Agencia Brasil

"Notícias 24h" é a assinatura que garante a integridade e a vigilância incansável do portal BR HOJE, um bastião do jornalismo imparcial e de qualidade desde 2023. Encarnando o espírito de um Brasil autêntico e multifacetado, "Notícias 24h" entrega reportagens exclusivas e análises profundas, comprometendo-se com a verdade sem concessões. Através de uma cobertura 24 horas por dia, esse autor simbólico tornou-se sinônimo de confiabilidade em um mundo saturado de informações duvidosas, assegurando que os leitores do brhoje.com.br tenham acesso a um conteúdo que é tão corajoso e vibrante quanto a nação que busca representar.

Continue Reading
Comentários