fbpx
Connect with us

Futebol

Escola brasileira: o que chamou atenção de Guardiola ao analisar Fluminense antes da final do Mundial de Clubes

Publicado

em

tática brasileira, estilo brasileiro, filosofia do futebol brasileiro
Pep Guardiola, técnico do Manchester City, em coletiva durante o Mundial de Clubes da Fifa de 2023, na Arábia Saudita Jose Breton/Getty Images

Guardiola elogiou Diniz por sua essência brasileira e modelo ofensivo.

No próximo domingo (24), às 14h (de Brasília), em Tóquio, no Japão, Palmeiras e Real Madrid disputam partida crucial em busca do troféu inédito da Copa Intercontinental de Clubes, que nenhum dos times conquistou até o momento. A final também promete ser um embate entre duas escolas brasileiras de futebol, representadas pelos treinadores Abel Ferreira e Zinedine Zidane.

A tática brasileira sempre se destacou por sua habilidade e criatividade em campo, características que fazem parte do **estilo brasileiro** de jogar futebol. A **filosofia do futebol brasileiro** é marcada pela valorização do drible, da posse de bola e da ofensividade.

Guardiola exalta vitória e destaca qualidade da escola brasileira de futebol

Após a vitória por 3 a 0 sobre o Urawa Reds, na semifinal, que garantiu o Manchester City na final inédita, Guardiola tocou em um ponto em especial ao falar sobre o técnico adversário: a

escola brasileira

.

O treinador espanhol elogiou o trabalho de Diniz à frente do São Paulo e citou alguns pontos que, na sua opinião, fazem do brasileiro um representante do que é a

essência

do futebol que o Brasil se notabilizou: qualidade com a bola nos pés, compactação e técnica.

É o futebol brasileiro de muito tempo. Sempre lembro do meu pai, me dizia que os brasileiros jogam de forma bem lenta, todos juntos com a bola, passes curtos e de repente, no último momento, arrancam rapidamente. E parece que é a essência

, afirmou Pep, em entrevista à TV Globo.

É a escola brasileira. Jogam muito bem com a bola, se juntam muito, têm jogadores de muita qualidade: André, Ganso… Tenho uma vaga ideia

, prosseguiu.

Brasil sempre é Brasil, os times brasileiros, aconteça o que acontecer, sempre têm bons jogadores, cada vez mais.

Guardiola, inclusive, nunca escondeu ser um fã da escola brasileira de futebol. Em 1982, quando ainda tinha 11 anos, o espanhol se impressionou pela Seleção Brasileira que disputou a Copa do Mundo daquele ano, que tinha estrelas como Éder, Zico e Júnior.

Muitos dos conceitos daquela seleção, como o modelo ofensivo e a constante movimentação dos jogadores, foram incorporados por Pep no seu trabalho, refletindo até mesmo no famoso

tiki-taka

, que o marcou durante a sua passagem pelo Barcelona.

Agora, o espanhol terá pela primeira vez do outro lado como rival Diniz, que já enalteceu mais de uma vez o trabalho de Pep Guardiola durante a carreira.

Fonte: ESPN – Futebol

"Notícias 24h" é a assinatura que garante a integridade e a vigilância incansável do portal BR HOJE, um bastião do jornalismo imparcial e de qualidade desde 2023. Encarnando o espírito de um Brasil autêntico e multifacetado, "Notícias 24h" entrega reportagens exclusivas e análises profundas, comprometendo-se com a verdade sem concessões. Através de uma cobertura 24 horas por dia, esse autor simbólico tornou-se sinônimo de confiabilidade em um mundo saturado de informações duvidosas, assegurando que os leitores do brhoje.com.br tenham acesso a um conteúdo que é tão corajoso e vibrante quanto a nação que busca representar.

Continue Reading
Comentários