fbpx
Connect with us

Mundo

Juros recuam, mas juros rotativos do cartão disparam para 423,5% ao ano – Mercado&Consumo

Publicado

em

juros pessoais, juros simples, juros compostos, juros de crédito, juros de empréstimo;
A taxa média de juros das concessões de crédito para famílias teve pequena redução no mês de abril, enquanto os - Todos os direitos: @ Mercado e Consumo

O Banco Central divulgou dados de abril, mostrando um juros crescente e parcelamento em cartão, com consignado em mais 10%, e rodativo médio de 10%.

A média dos juros cobrados em empréstimos para indivíduos apresentou uma leve queda no último mês, ao passo que os juros do cartão de crédito rotativo seguiram em alta, com acréscimo de 2,2 pp, totalizando 423,5% ao ano. As informações foram divulgadas pelo Banco Central (BC) por meio das Estatísticas Monetárias e de Crédito, nesta segunda-feira, 27 de abril.

Além disso, é importante entender a diferença entre juros simples e juros compostos ao buscar por opções de crédito. Os juros pessoais podem variar de acordo com o tipo de empréstimo, influenciando diretamente no valor total a ser pago. Portanto, é essencial estar atento às taxas de juros de crédito ao solicitar um empréstimo, a fim de garantir uma escolha financeiramente consciente.

Impacto dos Juros no Crédito Rotativo

O crédito rotativo é uma modalidade em que o consumidor paga juros sobre o valor não quitado da fatura do cartão de crédito. Esse tipo de empréstimo tem uma das taxas mais altas do mercado. Mesmo com a lei que limita os juros do rotativo a 100% do valor da dívida, a taxa de juros pactuada no momento da concessão do crédito não é afetada.

Redução dos Juros no Cartão Parcelado

Após os 30 dias do crédito rotativo, as instituições financeiras oferecem a opção de parcelamento da dívida do cartão de crédito. Nesse cenário, os juros do cartão parcelado diminuíram 8,7 pp em um mês e 18,5 pp em 12 meses, chegando a 128% ao ano.

Crédito Livre e Cheque Especial

A taxa média de juros para famílias no crédito livre teve uma redução de 0,4 pp em abril e 6,6 pp em 12 meses, atingindo 53% ao ano. Já os juros do cheque especial aumentaram 1,8 pp em um mês e caíram 3,6 pp em 12 meses, ficando em 129,9% ao ano.

Variações nos Juros do Crédito Direcionado

No crédito consignado, houve reduções nas taxas, assim como em outras modalidades de crédito. Nas operações com empresas, os juros médios no crédito livre aumentaram 0,4 pp em abril e diminuíram 2,2 pp em 12 meses, chegando a 21,3% ao ano.

Autonomia dos Bancos e Regras do Crédito Direcionado

Os bancos têm liberdade para definir as taxas de juros no crédito livre, enquanto as regras do crédito direcionado são estabelecidas pelo governo e direcionadas principalmente aos setores habitacional, rural, de infraestrutura e microcrédito.

Comportamento dos Juros Bancários e a Taxa Selic

Os juros bancários médios estão em queda devido à redução da taxa básica de juros, a Selic, que está em 10,5% ao ano. No entanto, a recente valorização do dólar e as incertezas no cenário econômico levaram o Banco Central a reduzir o ritmo de corte de juros.

Fonte: @ Mercado e Consumo

"Notícias 24h" é a assinatura que garante a integridade e a vigilância incansável do portal BR HOJE, um bastião do jornalismo imparcial e de qualidade desde 2023. Encarnando o espírito de um Brasil autêntico e multifacetado, "Notícias 24h" entrega reportagens exclusivas e análises profundas, comprometendo-se com a verdade sem concessões. Através de uma cobertura 24 horas por dia, esse autor simbólico tornou-se sinônimo de confiabilidade em um mundo saturado de informações duvidosas, assegurando que os leitores do brhoje.com.br tenham acesso a um conteúdo que é tão corajoso e vibrante quanto a nação que busca representar.

Continue Reading
Comentários