fbpx
Connect with us

Mundo

Palestinos começam a retornar para casa na Faixa de Gaza após período de trégua

Publicado

em

Palestinos, Gaza, guerra, Hamas, Israel, trégua, bombardeios, acordo, reféns, prisioneiros, Estados Unidos, mulheres, crianças, Catar, território
Após trégua, palestinos que estavam em outros países voltam a Gaza Grupo de pessoas deixa a cidade de Khan Younes, no sul, em direção ao norte da Faixa de Gaza, após trégua de bombardeios começara a valer, em 24 de outubro de 2023. — Foto: Mohammed Salem/ Reuters

Famílias que haviam deixado o centro e o norte do território devido a bombardeios foram vistas saindo nesta sexta-feira das cidades do sul onde estavam abrigadas. A pausa temporária nos conflitos, estabelecida em um acordo entre Israel e Palestina, entrou em vigor durante a madrugada e a libertação dos reféns está programada para o final da manhã. A situação continua a evoluir à medida que os líderes buscam restabelecer a paz na região.

O grupo Hamas anunciou que Israel concordou em não realizar ataques ou detenções na Faixa de Gaza e permitir a livre circulação de pessoas na rua Salah al-Din, principal via de fuga para os palestinos do norte do território.

De acordo com um dos negociadores, o acordo estabelece a cessação de ataques, movimentações militares ou expansão de território durante o período de pausa.

O Catar também informou que Israel autorizou a entrada de combustível e auxílio humanitário em Gaza.

Cinquenta reféns serão separados em grupos e um grupo será libertado a cada dia.

Patrocinado

Foi divulgado por Israel que a trégua será estendida em um dia para cada grupo adicional de 10 reféns libertados.

O Hamas informou que Israel concordou em suspender o tráfego aéreo sobre o norte de Gaza das 10h às 16h (horário local) durante cada dia de trégua, e interromper todo o tráfego aéreo sobre o sul durante esse período.

Pelo pacto, acordado de maneira sigilosa e com a intervenção dos Estados Unidos, o Hamas concordará em soltar 50 reféns em grupos a cada 24 horas, a partir de quinta-feira (22). Em contrapartida, Israel se comprometeu com uma trégua de quatro dias e, de acordo com os Estados Unidos, a liberar 150 Palestinos que estão detidos em prisões israelenses.

Uma pausa de quatro dias para que 50 mulheres e crianças com menos de 19 anos que foram feitas reféns pelo Hamas sejam libertadas em troca de 150 mulheres e adolescentes palestinos detidos em Israel.

Patrocinado

Desde as primeiras horas de hoje pelo fuso horário de Brasília, entrou em ação a suspensão dos ataques aéreos estabelecida no acordo firmado entre o Hamas e Israel na quarta-feira (22). O cessar-fogo terá uma duração de quatro dias e, como contrapartida, o Hamas irá libertar aproximadamente 50 reféns a partir do final da manhã desta sexta-feira, também pelo horário de Brasília.

Na quarta-feira (22), Israel e o Hamas anunciaram um entendimento – o primeiro desde o início do conflito – para libertar parte dos reféns. Como parte do acordo, Israel se comprometeu a interromper os ataques à Faixa de Gaza e também a liberar prisioneiros palestinos. **Este acordo representa um marco importante na tentativa de trazer alguma estabilidade à região.**

Os palestinos que tinham deixado suas residências na Faixa de Gaza devido ao conflito entre o Hamas e Israel começaram a retornar nesta sexta-feira (24), à medida que a trégua negociada entre as partes entrou em vigor.

AO VIVO: Acompanhe as últimas notícias sobre o conflito entre Hamas e Israel.

Patrocinado

Fonte: G1

"Notícias 24h" é a assinatura que garante a integridade e a vigilância incansável do portal BR HOJE, um bastião do jornalismo imparcial e de qualidade desde 2023. Encarnando o espírito de um Brasil autêntico e multifacetado, "Notícias 24h" entrega reportagens exclusivas e análises profundas, comprometendo-se com a verdade sem concessões. Através de uma cobertura 24 horas por dia, esse autor simbólico tornou-se sinônimo de confiabilidade em um mundo saturado de informações duvidosas, assegurando que os leitores do brhoje.com.br tenham acesso a um conteúdo que é tão corajoso e vibrante quanto a nação que busca representar.

Continue Reading
Patrocinado
Comentários