fbpx
Connect with us

Meio Ambiente

Monitoramento de Gases de Efeito Estufa por Satélite Brasileiro em Parceria com a Alemanha: A Nova Fronteira da Vigilância Ambiental.

Publicado

em

vigilância, observação, rastreio
Termo assinado pelo INPE e pelo DLR, na Alemanha, para monitorar os gases do efeito estufa — Foto: Divulgação/MCTI Gases que agravam efeito estufa atingem novo recorde na atmosfera Quando combustíveis fósseis - como carvão ou petróleo - são queimados, eles liberam grandes quantidades de dióxido de carbono, um gás de efeito estufa, no ar — Foto: GETTY IMAGES/BBC

Foi assinado hoje na Alemanha o plano de trabalho para o desenvolvimento de novos satélites, com monitoramento óptico e resolução para cobrir a emissão de gases.

Nesta segunda-feira (4), uma parceria entre o Brasil e a Alemanha foi estabelecida com o objetivo de realizar **monitoramento** da emissão de gases do efeito estufa por meio de satélite. O memorando de entendimento foi assinado pelo Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (Inpe) e o Centro Aeroespacial Alemão (DLR), reforçando a cooperação internacional para a preservação ambiental.

A assinatura do termo ocorreu no Ministério da Economia e Proteção Climática da Alemanha, com a presença de representantes do Inpe, além da ministra da Ciência, Tecnologia e Inovação, Luciana Santos, e do ministro da Fazenda, Fernando Haddad. Essa parceria promete promover não apenas o **monitoramento**, mas também a **observação** constante das atividades que impactam o meio ambiente.

Parceria para Vigilância Ambiental

A parceria prevê a utilização da plataforma Multimissão, que foi desenvolvida pelo Inpe, e deve utilizar sensores para fazer o monitoramento das emissões de gases pelos biomas brasileiros. O objetivo é a vigilância ambiental e a observação das atividades que impactam o meio ambiente.

Além disso, o memorando prevê também o desenvolvimento de novos satélites e o embarque de sensores em futuras missões. Atualmente, o Inpe consegue fazer um rastreio óptico em queimadas e desmatamento.

Ao g1, o diretor do INPE, Clezio de Nardin, destacou a importância da assinatura ocorrida e ressaltou que a parceria deve continuar ao longo do próximo ano.

Patrocinado

É absolutamente importante [fazermos] um acordo desse nível. Vamos buscar fazer o plano de trabalho desse acordo até abril do ano que vem para que possamos assinar, ainda em 2024, um acordo onde haja o compromisso de cada um, definindo o que cada um irá fazer

, citou.

Segundo ele, são três etapas da parceria: a carta de intenção, que já foi assinada; o plano de trabalho, que deve ser estabelecido em abril; além da definição do trabalho nesse acordo, que reunirá os detalhes da função de cada entidade.

Temos uma resolução para cobrir todo o planeta e para fazer pesquisas em pontos específicos, como, por exemplo, algumas usinas termelétricas na Alemanha, que eles já demonstraram interesse em monitorar, e pode ter algumas áreas aqui no Brasil, de interesse da comunidade científica. Tudo isso será discutido até abril

.

Com a Alemanha, nós vamos observar não o desmatamento que gera emissões, mas vamos rastrear os gases propriamente, como CO2 e metano

, finalizou.

Patrocinado

Desenvolvimento para Ampliar Monitoramento Ambiental

Veja mais notícias do Vale do Paraíba e região bragantina

Fonte: G1 – Meio Ambiente

"Notícias 24h" é a assinatura que garante a integridade e a vigilância incansável do portal BR HOJE, um bastião do jornalismo imparcial e de qualidade desde 2023. Encarnando o espírito de um Brasil autêntico e multifacetado, "Notícias 24h" entrega reportagens exclusivas e análises profundas, comprometendo-se com a verdade sem concessões. Através de uma cobertura 24 horas por dia, esse autor simbólico tornou-se sinônimo de confiabilidade em um mundo saturado de informações duvidosas, assegurando que os leitores do brhoje.com.br tenham acesso a um conteúdo que é tão corajoso e vibrante quanto a nação que busca representar.

Continue Reading
Patrocinado
Comentários