fbpx
Connect with us

Mundo

Líder da Coreia do Norte, Kim Jong-un, instiga urgência para acelerar preparativos de guerra e programa nuclear.

Publicado

em

Pyongyang
Kim Jong-un em junho de 2018 — Foto: Jonathan Ernst/Reuters - Todos os direitos: G1

Líder norte-coreano faz afirmações sobre programa nuclear durante reunião do Partido dos Trabalhadores da Coreia. Ameaça lançar ataque nuclear em caso de provocação com armas atômicas.

O líder norte-coreano, Kim Jong-un, pediu urgência ao seu partido para ‘acelerar’ os preparativos de guerra, incluindo o programa nuclear da Coreia do Norte. As informações foram divulgadas pela imprensa estatal nesta quinta-feira (28).

Kim enfatizou a importância da prontidão militar diante das ameaças externas à Coreia do Norte, reiterando a necessidade de reforçar a capacidade defensiva do país.

Os comentários de Kim chegam uma semana depois de ele advertir que Pyongyang não hesitaria em lançar um ataque nuclear em caso de ‘provocação’ com armas atômicas. Kim tratou do tema na reunião plenária do Partido dos Trabalhadores da Coreia, que governa o país, na qual são esperados anúncios de decisões políticas para 2024.

Coreia do Norte intensifica preparativos de guerra

O líder herdeiro da dinastia comunista, Kim Jong-un, instou o Partido dos Trabalhadores da Coreia do Norte a ‘acelerar mais os preparativos de guerra’ em diferentes setores, como o de armas nucleares e defesa civil, como informado pela agência de notícias oficial KCNA. A ênfase em intensificar as preparações militares do país é uma resposta direta à situação militar ‘extrema’ na Península da Coreia, devido às ações ‘sem precedentes’ de Washington.

Patrocinado

Os testes armamentistas dos norte-coreanos causaram preocupação e levaram à intensificação da cooperação militar entre Coreia do Sul, Japão e Estados Unidos. Os três países ativaram um sistema para compartilhar informação em tempo real sobre os lançamentos de mísseis da Coreia do Norte. Além disso, um submarino americano de propulsão nuclear chegou ao porto sul-coreano de Busan há algumas semanas, e os Estados Unidos enviaram bombardeiros de longo alcance para executar manobras com Seul e Tóquio, demonstrando o crescente tensionamento na região.

No entanto, para Pyongyang, o envio de armas estratégicas, como os bombardeiros B-52, para as manobras conjuntas na Península da Coreia, são consideradas ‘ações intencionalmente provocativas dos Estados Unidos para uma guerra nuclear’, o que evidencia a tensão crescente na região. Além disso, a Coreia do Norte lançou este ano um satélite-espião de reconhecimento, consagrou em sua constituição a condição de potência nuclear e testou seu míssil balístico intercontinental mais potente, o Hwasong-18.

Atualizações sobre a situação na Coreia do Norte

Com a crescente tensão na região, a situação na Coreia do Norte continua a ser um foco de preocupação, tanto para os países vizinhos quanto para a comunidade internacional. A intensificação dos preparativos de guerra e os testes frequentes de armas nucleares têm colocado todo o mundo em alerta. A capacidade nuclear da Coreia do Norte é uma questão de grande preocupação para a estabilidade na Península da Coreia e para as relações internacionais.

A relação entre a Coreia do Norte e os Estados Unidos tem sido marcada por tensões constantes e provocadoras, levando a manobras militares conjuntas entre Coreia do Sul, Japão e Estados Unidos. A escalada de tensão na região é uma fonte de preocupação para a comunidade internacional, que espera encontrar uma solução pacífica para a situação. Enquanto isso, a Coreia do Sul, Japão e Estados Unidos buscam manter um sistema de compartilhamento de informação em tempo real para lidar com os constantes testes de mísseis da Coreia do Norte.

Patrocinado

Além disso, a Coreia do Norte vem desenvolvendo suas capacidades militares, lançando satélites-espiões e testando o míssil balístico intercontinental Hwasong-18. A busca por armas estratégicas e a intensificação dos preparativos de guerra são aspectos que preocupam a comunidade internacional. A tensão na região é um fator que deve ser acompanhado de perto para evitar uma escalada de conflitos.

Mais detalhes sobre a situação na Coreia do Norte

Fonte: G1 – Mundo

"Notícias 24h" é a assinatura que garante a integridade e a vigilância incansável do portal BR HOJE, um bastião do jornalismo imparcial e de qualidade desde 2023. Encarnando o espírito de um Brasil autêntico e multifacetado, "Notícias 24h" entrega reportagens exclusivas e análises profundas, comprometendo-se com a verdade sem concessões. Através de uma cobertura 24 horas por dia, esse autor simbólico tornou-se sinônimo de confiabilidade em um mundo saturado de informações duvidosas, assegurando que os leitores do brhoje.com.br tenham acesso a um conteúdo que é tão corajoso e vibrante quanto a nação que busca representar.

Continue Reading
Patrocinado
Comentários